O que realmente nos faz felizes?

Do dinheiro ao casamento, o que realmente nos faz felizes?

Sabemos que o dinheiro não traz felicidade (ou pode?) e, como americanos, todos temos o direito de persegui-lo. Mas quais são algumas coisas que não sabemos sobre esse estado emocional pelo qual todos lutamos? Rastreamos vários estudos recentes para revelar seis coisas que você não sabe sobre a felicidade.

O dinheiro pode comprar felicidade - algo como

Medite para vencer a tristeza

Vários estudos ligaram a meditação regular a mudanças físicas reais no cérebro que são semelhantes ao que os medicamentos antidepressivos (ou as chamadas 'pílulas da felicidade') fazem. Pessoas que meditam não são apenas mais felizes e agradáveis ​​com os outros, mas pesquisas mostram que as áreas do cérebro que respondem ao estresse na verdade encolhem. As grandes corporações e até mesmo os fuzileiros navais dos Estados Unidos estão usando a meditação para aumentar a produtividade.

Ocupado demais para encontrar tempo para meditar? Não é preciso muito! Estudos mostram que pessoas que praticam a meditação consciente - sentando-se em silêncio com os olhos fechados e repetindo uma palavra ou "mantra" continuamente por apenas 20 minutos por dia colhem benefícios significativos.

Esposa Magra, Vida Feliz

Em um estudo um tanto estranho de 2011, pesquisadores do Tennessee revelaram que os casamentos são mais felizes quando a esposa é mais magra do que o marido. Os pesquisadores estudaram o IMC ou índice de massa corporal de quase 170 casais recém-casados ​​para chegar a esta conclusão.

Não recomendamos comparar você com o seu homem, mas adoramos a ideia de manter a forma como um casal. não apenas pelos óbvios benefícios à saúde, mas também pelas experiências de vínculo. Confira estas 11 maneiras de perder peso em equipe.

Motivo para colocar um anel nisso?

Apesar da taxa de divórcio, pode haver algo na frase 'felicidade conjugal'. Um estudo recente levantou a questão: as pessoas casadas são mais felizes do que as solteiras? Essencialmente, sim. Pesquisadores em Michigan descobriram que pessoas solteiras apresentaram um declínio na felicidade com o passar do tempo, enquanto aquelas que haviam se amarrado, não.

A idade não é apenas um número

Talvez você tenha pensado que estava feliz em obter sua carteira de motorista, se formar na faculdade ou conseguir o emprego dos sonhos. Mas os marcos da adolescência e dos 20 e poucos anos não são nada comparados aos sentimentos de euforia que a idade madura de 33 anos traz. Um site do Reino Unido descobriu que 70 por cento das pessoas com mais de 40 anos entrevistadas disseram que eram mais felizes nessa idade e sentiram que foi quando foram capazes de alcançar a 'verdadeira' felicidade.

Falha do Facebook

Estudantes de psicologia em Stanford descobriram que a rede social pode estar nos deixando tristes. Por quê? Porque outros parecem tão felizes em comparação. Os estudos examinaram como os estudantes universitários avaliaram o humor e, ao percorrerem imagens atraentes, atualizações de status de fanfarronice, BIOS realizada e aparentemente "vidas perfeitas" no Facebook, os alunos tornaram-se miseráveis ​​e deprimidos com suas próprias vidas. Os pesquisadores raciocinaram sobre a necessidade humana de não apenas querer ser feliz, mas querer ser mais feliz do que os outros. Talvez essas pessoas estejam descobrindo algo (elas NÃO estão no Facebook!).

  • Por Jené Luciani

Comentários (4)

*Estes comentários foram gerados por este site.

  • Megan Pirhardt Sezerino
    Megan Pirhardt Sezerino

    Recomendo a todos.

  • berenice mattos
    berenice mattos

    Produto muito bom.

  • Vitória Silvério
    Vitória Silvério

    Conprei novamente e continuarei comprando senpre...

  • agostinha m. lewen
    agostinha m. lewen

    Ótimo custo benefício.

Deixe o seu comentário

Ótimo! Agradecemos você por dedicar parte do seu tempo para nos deixar um comentário.