Corrida em declive facilitada

Espero que você tenha saído da velha esteira agora que é primavera e está correndo ao ar livre. Um grande desafio de correr para as ruas são as colinas. Muitos corredores evitam a inclinação, mas aqui estão alguns motivos pelos quais você não deve pular as colinas e truques para dominar a subida.

• Correr em ladeiras trabalha os músculos da parte superior da perna mais do que correr em terreno plano. visa o traseiro, fortalecendo e tonificando o espólio e os tendões da coxa.

• Outro ponto de venda para correr ladeiras (se tonificar a nádega não bastasse) é que os grupos de músculos que você usa para subir ladeiras são virtualmente os iguais aos que você usa para correr, então o trabalho em subidas aumenta sua velocidade ao aumentar a força. Em outras palavras, os benefícios de correr em aclive se traduzem em correr em planos.

• Se você não desistiu da esteira, observe que cada aumento de um por cento no ângulo de elevação requer quatro por cento a mais de energia, então a inclinação o força a trabalhar mais. Aproveite ao máximo seu tempo na máquina subindo a ladeira com este exercício de colinas onduladas para a esteira.

• No entanto, você deve ter cuidado com o "trabalho em colinas" se tiver uma lesão em seu panturrilha ou tendão de Aquiles, pois a corrida em declives pode agravar essas lesões. Mesmo se não fizer isso, você deve se certificar de alongar as panturrilhas especialmente bem após o treino em colinas.

• Ao correr morro acima, olhe para cima para onde está indo, não para os pés. A expectativa o ajuda a manter a cabeça erguida para manter uma boa postura, tornando mais fácil respirar - e, acredite, você precisará de todo o oxigênio que puder obter.

Procurando dicas sobre como conseguir descer do outro lado da colina? Confira: Aprenda a amar: corrida em declive.

Mais do FitSugar:

Cinco posturas de ioga que todo corredor deve saber

Corrida Isto! Plano de treinamento de corrida de 10k

  • Por FitSugar

Comentários (2)

*Estes comentários foram gerados por este site.

  • Natacha L. Trierweiller
    Natacha L. Trierweiller

    Muito bom. Recomendo

  • astride springmann
    astride springmann

    Muito bom! Recomendo!

Deixe o seu comentário

Ótimo! Agradecemos você por dedicar parte do seu tempo para nos deixar um comentário.