10 atividades fisicas que aceleram a queima de gordura

Spinning, ginástica localizada e natação têm uma série de benefícios, mas ficarão fora da atenção da academia no próximo ano. Segundo pesquisadores da Georgia State University, nos Estados Unidos, em 2013 há outros exercícios para chamar a atenção. Eles realizaram um estudo com 3.346 profissionais de saúde e fitness de diferentes países e definiram as 10 melhores academias para o próximo ano. A lista inclui exercícios com seu próprio peso corporal e fortalecimento dos músculos centrais. Atividades em grupo com objetivos específicos também estão incluídas. O Jornal do Colégio Americano de Medicina Esportiva, Saúde e Fitness aprovou a pesquisa e publicou na edição de outubro uma lista para aqueles que desejam alinhar seus corpos com as novidades. Quer saber o que são? Minha Vida conversou com especialistas brasileiros e conta o que são.

Musculação

Isso mesmo, ainda é um favorito da academia, e esse amor tende a crescer. O educador físico Adriano Coronato, personal trainer de São Paulo, explica que isso acontecerá principalmente por conta da disseminação das academias e da disponibilidade de equipamentos em parques e praças. Além disso, nenhum outro esporte permite que você ganhe tônus e força muscular tão rapidamente, você pode sair de um estilo de vida sedentário e ver os resultados em breve ”, acrescenta Adriano, que cita a simplicidade na execução dos exercícios como a força da atividade. Outro item favorável inclui a indicação de médicos no tratamento e prevenção de diversas doenças, como diabetes, hipertensão, osteopenia e diabetes.

Exercícios de peso corporal

Você achou estranho? Porque você pode estar fazendo esses exercícios há algum tempo, mesmo sem saber. São flexões, agachamentos, exercícios de braço nas barras, entre outros. Segundo os pesquisadores da Georgia State University, além de serem uma forma eficaz de entrar em forma, esses exercícios não requerem um grande investimento financeiro, pois não requerem o uso de equipamentos. “O governo está colocando pranchas e outros aparelhos em praças e parques, o que influencia muito a prática desse tipo de exercício”, explica Adriano Coronato. Aproveite esta atividade eficiente e financeiramente viável.

Obesidade infantil e exercícios

A obesidade não tem mais idade para chegar, segundo o Ministério da Saúde, uma em cada três crianças no Brasil está acima do peso, podendo até chegar à obesidade, situação em que o excesso de peso é percebido como uma doença. Além das medidas de adequação da dieta das crianças, existe também a demanda por atividades físicas. Givanildo Matias afirma que os bebês precisam de mais exercícios lúdicos, a fim de evitar repetições e aumentar suas habilidades motoras, que atualmente são prejudicadas pelo excesso de computadores, televisão e jogos eletrônicos.

Exercícios para perder peso

Não é à toa que não caia do top 10, afinal, o emagrecimento nunca sai de moda. Os exercícios aeróbicos que ajudam você a se livrar das alças extras ainda estão em destaque. Adriano Coronato diz que cerca de 90% de seus alunos têm como objetivo perder peso. “Hoje em dia, as pessoas se incomodam com a obesidade tanto pelo desconforto estético quanto pelos riscos que ela oferece à saúde, o prejuízo do excesso de peso é bastante temido”, diz.

Programas de exercícios para idosos

“A consciência de que o sedentarismo é uma doença, que pode contribuir para o aparecimento de muitas outras, é o que mais leva as pessoas com mais de 50 anos à academia”, explica Adriano Coronato. Programas pensados pelo governo e até pela mídia em geral reforçam a importância da atividade física, principalmente para quem está em uma idade em que os problemas de saúde começam a aparecer.

treinador pessoal

Um personal trainer cria seu próprio programa de treinamento e o acompanha, orientando e fazendo ajustes para que você alcance seus objetivos. Além disso, os riscos de treinamento excessivo ou exercícios inadequados são minimizados com esse monitoramento contínuo. Givanildo Matias explica ainda que a atividade se popularizou devido à melhora do perfil econômico brasileiro. “O poder do consumidor aumentou, o que ajuda a democratizar os negócios”.

treino funcional

O treinamento funcional se tornou uma febre nas academias de todo o mundo e também está causando polêmica no Brasil para quem quer perder peso e definir sua musculatura. “A ideia do treinamento é que, ao contrário do treinamento de força, que trabalha diferentes grupos musculares em cada exercício, o treinamento trabalha o corpo como um todo”, explica Givanildo Matias. Em alguns exercícios, a carga de trabalho é exercida pelo peso e equilíbrio do corpo. Porém, isso também pode ser feito com acessórios e até mesmo alguns equipamentos específicos, como a bola suíça, o cinto de tração, a tigela médica, o bosu, o mini trampolim, a pulseira e os cones. A atividade atua na forma cardiorrespiratória, força, coordenação e equilíbrio.

Fortalecendo o núcleo

Adriano Coronato explica que core é uma expressão para definir os músculos que vão do meio da coxa até parte do abdômen, ou seja, se refere aos músculos do quadril, abdome e coluna lombar. O benefício é um centro de gravidade corporal mais forte, o que lhe dará mais equilíbrio, resistência física e até mesmo melhorará sua postura. “Para trabalhar esses músculos, além dos exercícios abdominais, são trazidos alguns exercícios específicos para pilates e treinamento funcional”, diz Adriano Coronato.

Coach de grupo pessoal

Givanildo Matias explica que existem três níveis de trabalho: generalizado (feito em grandes grupos em academias), personalizado (com personal trainer só para você) e midpoint, dividindo o personal trainer com outras quatro ou cinco pessoas. Embora não seja a ideal, esta é uma boa escolha, pois o profissional poderá ver suas necessidades individuais e ajudá-lo a atingir seus objetivos. Do ponto de vista financeiro, o negócio também é vantajoso porque as despesas também são repartidas.

Profissional certificado e experiente

Pelo quinto ano consecutivo, a importância de educadores físicos bem treinados está no topo da lista. Os pesquisadores afirmam que os programas de certificação nessa área estão aumentando e devem crescer de 251.400 em 2010 para 311.800 em 2020, um aumento de 29%.

O educador físico Givanildo Matias, assessor da Sociedade Brasileira de Personal Trainers (SBPT), explica que a atividade do personal trainer no Brasil ainda não tem parâmetros bem definidos. “Existem bons e maus profissionais no mercado, até os alunos do ensino médio já se autodenominam personal trainers”, afirma. “O aumento da concorrência neste mercado tem atraído todo o tipo de pessoas”. Conheça a formação e experiência profissional, vale também a pena saber se possui as competências necessárias para atingir o seu objetivo. “As franquias de personal trainer são uma ótima alternativa para a escolha de um profissional porque os profissionais passam por um processo seletivo e treinamento para preencher a vaga”, recomenda Givanildo. O cuidado minimiza os riscos e aumenta a eficiência do treinamento.

Comentários (4)

  • teresa calbuch
    teresa calbuch

    Comprei essa semana estou gostando.

  • Benice D. Dias
    Benice D. Dias

    Superou minhas expectativas.

  • Catherine W Hulrich
    Catherine W Hulrich

    Muito bom! Recomendo.

  • Sharon S Prado
    Sharon S Prado

    Fácil de usar

Deixe o seu comentário

Ótimo! Agradecemos você por dedicar parte do seu tempo para nos deixar um comentário.